Carregando...

Natal 2017

Voltar
  • Meu carrinho 0 produtos
  • Total produtos €0,00
  • Gastos de envio €0,00
  • Total €0,00
Ir à seção

Galinhas… por onde começar?

Se está a ler este artigo, isso pode querer dizer que está a pensar em começar a criar galinhas. Faz bem, as galinhas podem ser excelentes mascotes; são baratas, não precisam que se lhes dedique muito tempo, são fáceis de cuidar e são uma fonte de alimento, tanto pelos ovos como pela carne.

Conselhos para começar a criar galinhas

Se está a ler este artigo, isso pode querer dizer que está a pensar em começar a criar galinhas. Faz bem, as galinhas podem ser excelentes mascotes; são baratas, não precisam que se lhes dedique muito tempo, são fáceis de cuidar e são uma fonte de alimento, tanto pelos ovos como pela carne.

Raças de galinhas

Caso seja um principiante, escolher uma raça poderá ser uma tarefa complexa e é por isso mesmo que deixamos aqui alguns conselhos para ajudar a dar os primeiros passos.

As raças que dão mais ovos são menores e não ficam chocas com facilidade. Uma galinha fica choca quando está a incubar os seus ovos, por isso não nos interessa se o nosso objetivo são os ovos. As raças híbridas modernas, como as Fenton azuis, produzem uma grande quantidade de ovos. A Rhode Island vermelha é uma raça boa, quer pelos seus ovos, quer pela sua carne.

Também há que ter em conta que a produção de qualquer galinha diminui com a idade. Começando a pôr ovos a partir dos cinco ou seis meses, atingem a produção máxima durante o primeiro ano. Além disso, há que administrar alimentação de qualidade e água limpa. O número de horas de luz é fundamental e é o mais importante de tudo, já que a postura dos ovos é estimulada pela intensidade e pelas horas de luz.

Se o que procura é uma carne de qualidade e com um grande sabor, deve considerar as raças “chocadeiras” (as que incubam os seus ovos). Aqui encontramos a raça Sussex ou a raça francesa Sasso. Ambas crescem rapidamente e atingem um bom tamanho se tiverem um ambiente adequado e forem bem alimentadas.

Neste caso, a alimentação e o bem-estar são muito importantes, daí que quem cuidar de galinhas deverá falar com o fornecedor sobre as rações diárias e as etapas de crescimento.

Embora a princípio possa parecer um pouco complicado devido aos cuidados que requerem, depressa será recompensado com enormes benefícios e irá perguntar-se porque não começou mais cedo.

Outros artigos interessantes

A horta em outubro

terça-feira, 14 de outubro de 2014

No mês de outubro as temperaturas mais agradáveis nos permitem aproveitar mais o trabalho da nossa horta sem ter que nos esconder do sol. Mas, principalmente, o início do outono está marcada pelos primeiros frios e chuvas copiosas. Eliminar...

Como posso combater a mosca branca?

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Conheça a mosca branca A mosca branca pertence à família dos aleuródidos e já foram encontradas mais de 1500 espécies. Os adultos medem de 1 a 1,5 mm, seu corpo é amarelado-pálido e suas duas asas são brancas. Têm um aparelho bucal...

A poda da tomateira

sábado, 13 de dezembro de 2014

Para aprender a podar a plantação de tomates, é conveniente saber primeiro como se desenvolve esta planta. E é da seguinte forma: A planta brota da terra, e ao crescer esse broto, se forma o ramo principal da planta. Deste mesmo ramo, vão...

Como montar uma horta em casa

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Aqui vos deixamos uma original e divertida infografía que preparamos sobre como montar uma horta em casa. Explica, de forma resumida, os elementos essenciais que necessitaremos para semear nossas próprias hortaliças, assim como alguns cultivos...

Descubra Nosso Catálogo