Nem todos têm a sorte de ter um grande jardim ou terraço onde possam dar às suas plantas todo o sol de que necessitam para brilhar. E isso não significa que tenham de desistir de ter um pedaço de natureza na sua casa.

A decoração com plantas de casa é uma das últimas tendências.

Há muitas plantas de interior que se adaptam bem a pouca luz (luz indireta, semisombra) e são ideais para decorar quartos, salas de estar ou mesmo escritórios improvisados.

As flores e plantas de interior encontramos:

1. Zamioculca zamiifolia

Zamioculca: a rainha da baixa luminosidade!

ZZ ou Fortune Plant esta planta tropical chamada Zamioculca zamiifolia é uma das plantas mais duras e adequada até mesmo para os mais "plant killers", uma vez que necessita de muito poucos cuidados. 

Graças às suas folhas e caules espessos, bem como aos seus tubérculos subterrâneos, as zamioculcas requerem muito pouca rega e podem tolerar viver em zonas de pouca luz, tornando-as perfeitas para adicionar um toque de verde a qualquer canto pouco iluminado.

2. Calathea

Nascidas para iluminar.

Estas plantas de interior precisam de pouca luz e se adaptam bem a sítios húmidos e com luz indirecta.

Este tipo de planta tem folhas peculiares que dão a qualquer espaço beleza e singularidade. Têm veias acentuadas que inspiram diferentes tonalidades de verde, desde os verdes mais intensos aos mais suaves.

A Calathea é uma amante das sombras. Mantenha-o longe das janelas e coloque-o num canto da casa onde possa ser protegido da luz direta do sol e espante-se com a sua beleza de selva.

O segredo das calatheas é regar quando a terra começar a secar e manter a humidade ambiental alta, mas nunca deixar a água ficar sobre as folhas.

3. Feto

Um MUST HAVE de todo amante de plantas!

O Feto ou Samambaia, é uma planta com as suas folhas verdes profundas, a sua elegante inclinação e fácil manutenção fazem dela uma planta de interior ideal.

Existe uma grande variedade de fetos e a maioria delas, com exceção do Adiantum raddianum, são amantes fiéis da humidade e da luminosidade indireta (semisombra). Lembre-se, porém que nunca devem estar em ambientes completamente escuros. A luz da manhã ou do final da tarde é a ideal para esta planta.


4. Costela de Adão / Monstera

A planta curinga para decorar qualquer espaço da casa.

A sua cor intensa e folhas grandes criam uma atmosfera eloquente e fazem dela um elemento na decoração da sua sala ou quarto de dormir. Uma planta que oferece não só beleza, mas também vida ao lugar.

A Costela de Adão, também chamadaMonstera deliciosa, vem de zonas da selva onde a luz é escassa e a humidade é elevada. É, portanto, uma das plantas mais duras, visto que tolera ambientes secos e com pouca luz, no entanto, prefere sempre ambientes húmidos.

Não o exponha à luz direta do sol nas horas de mais luminosidade ou verá aparecer manchas amarelas nas suas folhas, um sinal de perigo iminente. Podem estar expostas ao sol da manhã ou do final da tarde.

5. Sansevieria

Uma planta de interior ou exterior que pode resistir a tudo.
A Sansevieria comum tem folhas alongadas que terminam num ponto e são marcantes com delicadas pinceladas amarelas. É por isso que eles são tão especiais.
É uma planta muito acomodativa que só precisará de um pouco de amor para brilhar, uma vez que não requer muito cuidado, basta certificar-se de que o substrato tem uma boa drenagem e água quando o vir que seca. Se adaptam tanto ao interior com luz indireta quanto ao exterior a pleno sol, mas neste caso a sua coloração tende a tornar-se mais clara.


Marca Planeta Huerto